AlmArdente

De tudo se fala do que possa habitar uma qualquer alma humana. Os amores e desamores, as artes e os vícios, os prazeres e as dores. Intensas banalidades, para miúdos e graúdos.

terça-feira, outubro 14, 2008


Trouxeste-me paz e sossego, e ganas de excitação.

Vou do oito ao oitenta e sei que gostas assim.

Dás-me conforto e liberdade, dás-me sorrisos, dás-me ternura. Dás-me tudo o que me alimenta o ego e muito mais do que uma alma precisa.

O tudo e o nada e todos os espaços entre-meio.

Contigo sou EU, contigo sou forte!

Vivo intensamente cada momento a teu lado, seja em loucuras insanas, seja em tristezas profundas. É o mergulho em nós, o acreditar sempre e sempre.

E amar é isto, muito mais do que isto e às vezes menos que isto.

E se dúvidas houvésse, não estaria já aqui. Mas estou, para ti.

Como estás, para mim.


1 Comments:

  • At 8:14 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    Lindos! Sei que serão felizes para sempre, vocês merecem.

     

Enviar um comentário

<< Home